No diálogo silencioso do coração

«Na vida oculta e silenciosa realiza-se a obra da Redenção. No diálogo silencioso do coraç...

Deus é a minha morada

«Deus é a minha morada, o meu Templo, a vida da minha vida e o Ser do meu ser, sem Ele nã...

Cristo e a Igreja intimamente unidos no altar.

 

«Este é o grande sacramento [a Eucaristia];
encerra profundos mistérios
entre Cristo e a sua Esposa.
Aqui está o leito nupcial
onde se unem o Esposo e a Esposa
e nesta união inefável
fundamenta a Igreja a sua maternidade.»

Beato Francisco Palau | 1811 - 1872
Texto Autografado 3, 4 d.

Senhor,
que grande é o milagre
que se perpetua todos os dias
sobre o altar,
quando o pão e o vinho
são transubstanciados
na Tua Carne e no Teu Sangue!
Ali está a Cabeça e o Corpo,
ali estamos também nós
que somos o Teu Corpo
do qual Tu és a Cabeça.
Ali encontro-me intimamente unido
aos meus irmãos.
Sim, na Eucaristia une-se Esposo [Cristo]
e Esposa [Igreja]
numa comunhão total, e estreitíssima.
Porque faço parte do Teu Corpo
e estou intimamente unido aos meus irmãos,
a Eucaristia alimenta o meu amor fraterno.
Por isso se chama ”Comunhão”:
entro em comunhão conTigo
e com os meus irmãos
para ser Igreja
e me transformar realmente, na minha vida concreta,
num outro Jesus que passe a fazer o bem sobre a terra.
Assim seja.

2018-08-16