Dar tudo!

«O amor não quer um coração dividido: quer tudo ou nada.» Santa Teresa Margarida de Redi ...

Desejas a minha união conTigo!

«É preciso saber que o amor só chegará à perfeição quando os amantes forem um só, isto ...

Senhor, sê a minha santidade!

 

«Quando se olha para este mundo divino
que já desde o exílio nos envolve,
no qual nos podemos mover,
oh, então, como as coisas daqui de baixo
se desvanecem:
tudo isto é o que não é,
é menos que nada.
Os santos,
esses é que tinham compreendido tão bem
a ciência verdadeira,
a que nos faz sair de tudo
e sobretudo de nós mesmos
para nos lançarmos em Deus
e não viver senão d’Ele!
Cara Senhora,
Ele está em nós para nos santificar,
peçamos-Lhe pois
que seja Ele próprio a nossa santidade.»

Santa Isabel da Trindade | 1880 - 1906
Carta 184. À senhora Angles. 24 de Novembro de 1903

Senhor Jesus,
estou vigilante esperando a Tua chegada.
Falta pouco tempo para o Natal.
Nestes últimos dias
ensina-me a ciência do amor,
deste amor que vens trazer à terra.
Tu és o Santo.
Por mim nunca poderei ser santo.
Sê-lo-ei apenas
participando na Tua santidade.
Senhor, Te peço,
ajuda-me a afastar de mim
todos os obstáculos que se interpõem
e querem impedir a Tua Vida em mim:
ensina-me a controlar os pensamentos.
Que a minha mente não divague,
nem se apegue excessivamente
aos problemas e preocupações,
mas deslize suavemente
para o pensamento da Tua Presença em mim
e da Vida eterna que me espera.
Senhor, neste Natal vens trazer-me todos estes presentes;
que o meu coração
esteja preparado para os acolher.
Assim seja!

2017-12-22