Maria dá-me Jesus

«Maria diz-te: “Dou-te o alimento, a Carne e o Sangue do Inocente:” Aos pés de Maria, en...

Grande é o Teu amor!

«Ai, Senhor, que grande és na Tua misericórdia! Prostro-me aos Teus pés e lavo-os com o me...

Uma gratidão ilimitada

 

«A mim aconteceu-me
como a uma pessoa que estava em perigo de se afogar,
e a quem muito tempo depois
num lugar luminoso e quente,
onde está muito segura e rodeada de amor e carinho…
de repente vê a imagem do escuro e frio abismo.
Que outra coisa pode sentir senão temor
e com isso uma gratidão ilimitada
diante daquele braço que a agarrou tão maravilhosamente
levando-a para terra firme».

Santa Teresa Benedita da Cruz (Edith Stein) | 1891 - 1942
Carta 13-12-1925

Senhor,
não sei como agradecer-Te
o Teu amor por mim
e por cada um dos meus irmãos.
Quando olho para a realidade
com os olhos da fé
vejo que cada pessoa é sagrada
e que a cada uma conduzes pelos
caminhos da santidade;

Cada pessoa tem inscrita em si
o mistério do Teu Amor
e a forma que Tu escolheste
para que ela participasse na construção
do mundo novo,
que é o Teu Reino nesta terra.

Não permitas que o egoísmo e a inveja
ofusquem a beleza interior de cada um
e afastem do caminho interior de
procura e libertação do tesouro divino
que em cada um deixaste.

Ilumina-nos para encontrarmos
a senda da santidade que para nós escolheste
e dá-nos fortaleza para percorrermos esse caminho,
com a determinada determinação,
de pormos ao serviço dos irmãos
a graça e o amor que de Ti recebemos,
de sermos para cada um Tua transparência.

2017-10-27