A fé obtém o que espera

«É a fé que opera e obtém o que se pede na oração. A oração obtém na medida em que se...

A glória de Jesus: eis tudo!

«Mas, o ESQUECIMENTO!… Sim, desejo ser esquecida, e não só pelas criaturas mas também po...

Epifania do Senhor

 

«No Oriente apareceu uma estrela
E seguimos o seu curso misterioso
Astro bendito, a sua luz revela-nos
Que na terra nasceu o Rei dos Céus.

O Céu protege-nos
E o nosso cortejo
Desafiando chuvas e neve
Segue o astro brilhante!…

Que cada um se prepare…
A estrela detém-se!…
Enchamo-nos de alegria,
Adoremos o Menino!…»

Santa Teresa do Menino Jesus | 1873 - 1897
Poesia suplementar. 2

Senhor,
neste dia da Epifania dou-Te graças,
porque do Teu Presépio
desde o Teu nascimento,
chamastes a Ti todas as nações,
povos e línguas
para Te adorarem mas,
acima de tudo
para poderem ser amados por Ti
e enriquecidos dos Teus dons.
Os Magos ofereceram-Te presentes,
mas foram muito maiores os presentes que receberam:
o dom da fé e do Teu Amor.
Também eu, Jesus Menino,
quero abrir-me ao Teu Amor
para poder ser Teu “embaixador”
junto dos meus irmãos
e conduzir a todos para Ti.
Assim seja!

2016-01-03