Só Tu bastas, Senhor!

«Durante muito tempo, parecia-me que tinha necessidade dos outros e tinha mais confiança nas aj...

Amar a pobreza e a pequenez

«A sua Elias está bem longe de desejar o que brilha, não ama senão a sua pequenez e a sua p...

Renúncia de si.

 

«De quanta paz goza a alma na renúncia de si!
Se não falta a luta
ela, contudo, é prenúncio de uma grande paz
e da mais sólida virtude.»

Beata Maria Cândida da Eucaristia | 1884 - 1949
Novenas, Pensamentos e Poesias. 43

Senhor Jesus,
o mundo não sabe,
mas Tu deste-no-lo a conhecer:
quando fazemos algo que nos custa,
por amor a Ti e ao irmão,
ainda que nos custe exteriormente alguma coisa,
há depois uma paz
que se abriga no mais fundo do coração
que é a paz que traz o amor,
a consciência de estar a amar,
de me dar ao outro,
de trabalhar pela Tua glória
e pelo aumento do Amor na Igreja e no mundo
(pois todos estamos unidos como um corpo).
Não há nada que pague esta consciência
e a paz que dela irradia!...
Ajuda-me a aproveitar o tempo desta Quaresma
para crescer nesta consciência
e para me exercitar nas obras do amor,
mesmo que elas me custem alguma coisa,
pois esse é o caminho que me leva até Ti.
Assim seja.

2018-03-09