No diálogo silencioso do coração

«Na vida oculta e silenciosa realiza-se a obra da Redenção. No diálogo silencioso do coraç...

Deus é a minha morada

«Deus é a minha morada, o meu Templo, a vida da minha vida e o Ser do meu ser, sem Ele nã...

Deixar-me olhar por Deus.

 

«Não te avalies a ti mesma.
Deixa que seja Deus a julgar-te.»

Beata Maria Josefina de Jesus Crucificado | 1894 - 1948
Escritos Vários. pg. 3

Senhor Jesus,
concede-me a graça de me ver
através dos Teus olhos.
Quando me avalio por mim mesmo:
ou me ajuízo desfavoravelmente
ou me admiro orgulhosamente.
Só olhando-me como Tu me olhas
encontro a verdade de mim mesmo.
O Teu olhar é amor
e amas-me quando me olhas.
Que me veja a mim mesmo
com este Teu amor.
Assim seja.

2018-09-18